BRAGA VENCE A SEGUNDA CONSECUTIVA

BRAGA VENCE A SEGUNDA CONSECUTIVA

Bragança Paulista, SP (01)
Por Assessoria de Imprensa (Tatiana Rodrigues)

O jogo começou estudado no início. Mas logo aos três minutos, o volante Edson Sitta faz boa jogada e toca para o lateral esquerdo Fabiano que cruza o gol e Adriano Paulista quase marca o gol, Luis Henrique faz uma defesa parcial.
O Braga continuou pressionando: em boa jogada pela direita feita por Kelynton, ele cruza na área, Grampola toca para Edson Sitta e o goleiro Luis Henrique espalma. A bola volta no lateral que chuta sem levar perigo.
Pela primeira vez, o Guarani desce com o lateral esquerdo Gilton que toca forte para Renato Henrique e a bola é tocada muito forte indo para a linha de fundo e toca para Adriano Paulista que chuta cruzado e quase abre o placar no Nabi Abi Chedid.
O meia Fumagalli coloca a bola na área e a zaga do Braga afasta.
O Bugre volta a atacar com o volante Auremir, ele tenta colocar a bola na área, mas Juliano afasta o perigo da meta do Massa Bruta.
Minutos depois, o primeiro gol do Bragantino: o lateral esquerdo Fabiano faz jogada pela esquerda e cruza, Adriano Paulista cabeceia sem chances para o goleiro Luis Henrique: 1 a 0.
Dois minutos depois, o Massa Bruta amplia: Adriano Paulista faz boa jogada, limpa seu marcador e toca para Anderson Ligeiro que tira do goleiro do Guarani e toca no cantinho: 2 a 0.
O meia Rafael Chorão bateu forte e assustou o goleiro do Guarani.
No final do primeiro tempo, Brian Samudio ganha na velocidade de Guilherme Mattis, ele cruza na área e a bola se perde na linha de fundo.
Na volta para o segundo tempo, o técnico do Guarani volta com duas alterações: saem Escobar e Denis Neves, entram Ernani e Marcinho.
O adversário tenta com Fumagalli, mas o setor defensivo do Massa Bruta não deixa o Guarani prosseguir com a jogada.
Minutos seguintes o adversário volta a atacar e Guilherme Mattis coloca para escanteio. O meia Fumagalli cobra, a bola passa por todo mundo e encontra Brian Samudio que diminui: 2 a 1.
Após o gol do Guarani, o técnico Alberto Félix mexe no time, ele tira o meia Rafael Chorão e coloca Vitor.
O adversário dá trabalho para o goleiro Renan Rocha que faz algumas defesas. Vendo esta pressão do Bugre, o técnico do Massa Bruta faz outra alteração: ele tira Anderson Ligeiro e coloca Revson.
O Braga por algumas vezes, tenta marcar o terceiro e liquididar a partida, mas pára na forte marcação do time de Campinas.
Para fechar ainda mais o meio campo, o técnico Alberto tira Edson Sitta e coloca Daniel Pereira.
O Guarani até tenta empatar, mas o jogo termina com a segunda vitória consecutiva do Massa Bruta.
O Bragantino volta a campo neste sábado (04) às 16 horas onde recebe no Estádio Nabi Abi Chedid o Batatais.

Ficha Técnica:
Campeonato Paulista Série A2 – 2ª Rodada
Partida: Bragantino x Guarani
Local: Estádio Nabi Abi Chedid – Bragança Paulista/SP
Horário: 19h30
Data: 01/02/2017
Público: 1.121 pagantes – Renda: R$ 13.030,00
Árbitro: Raphael Claus
Assistente 1: Marcelo Carvalho Van Gasse
Assistente 2: Bruno Salgado Rizo
Quarto Árbitro: Rodrigo Santos
Gols: Bragantino – Adriano Paulista (aos 36’ do 1º tempo); Anderson Ligeiro ( aos 37’ do 1º tempo), Guarani – Brian Samudio (aos 17’ do 2º tempo).
Equipes:
Bragantino: Renan Rocha, Kelynton, Juliano, Guilherme Mattis e Fabiano, Adenilson, Edson Sitta (Daniel Pereira) e Rafael Chorão (vitor), Adriano Paulista, Rafael Grampola e Anderson Ligeiro (Revson). Técnico: Alberto Félix

Guarani: Luis Henrique, Lenon, Philipe Maia, Diego Jussani e Gilton, Auremir, Escobar (Ernani) e Denis Neves ( Marcinho), Fumagalli, Renato Henrique (Loran) e Braian Samudio. Técnico: Ney da Matta.

BragantinoTV

Imagens da Partida

 

Related Post